Como trabalhar em banco?

Ocupar um cargo em instituições bancárias é o sonho de muitos brasileiros que desejam seguir carreira no mercado financeiro. Salários que podem chegar a R$ 15 mil e bônus variável que pode multiplicar o ganho fixo são atrativos. Isso sem falar na oportunidade de crescer profissionalmente dentro do banco – algo raro atualmente em outras áreas de atuação.

Se trabalhar em banco é o seu objetivo, este artigo foi feito para você!

O que é preciso para trabalhar em um banco?

Para trabalhar em um banco você precisa se desenvolver em 4 pilares de formação:

  • Certificação;
  • Técnica comercial;
  • Técnica prática;
  • Carreira/networking.

Certificação: as certificações financeiras são exigidas em alguns cargos em bancos por caráter regulatório do Conselho Monetário Nacional (CMN). São as certificações iniciais para quem deseja ingressar no mercado financeiro a CPA-10 e a CPA-20.

 

Veja também:

 

 

Técnica comercial: as principais vagas de entrada nos bancos estão relacionadas à área comercial. Nelas, o bancário precisa ofertar produtos aos clientes da instituição via atendimento presencial ou remoto. Dominar técnicas de retenção e vendas são essenciais para ter um bom desempenho.

Técnica prática: as certificações financeiras abrem portas para o ingresso no mercado financeiro. Porém, é preciso ir além do básico para se sair bem no cargo desejado. O bancário deve saber falar sobre produtos financeiros, cenário econômico e precisa conhecer bem o banco em que atua. Esses são pontos fundamentais observados nos processos seletivos e determinantes para executar com excelência as rotinas de trabalho.

Carreira/networking: esse é o pilar que liga o profissional às conexões que poderão aproximá-lo do emprego em um banco. Graduações, certificações e cursos de capacitação aproximam pares e colocam o profissional à frente de outros candidatos. Quem quer trabalhar em banco deve se relacionar com profissionais que atuam em instituições de interesse, isso ajuda na compreensão da cultura das organizações.

Atualmente, o LinkedIn é a maior rede de networking voltada para o mercado de trabalho. Portanto, estar bem-posicionado na plataforma abre portas para ingressar em um banco.

Quais cursos contribuem para o ingresso em bancos?

Alguns cursos de graduação ou cursos técnicos reconhecidos pelo MEC podem contribuir para o seu ingresso em bancos. Os cursos mais valorizados são os relacionados às áreas de finanças, administração e ciências contábeis.

Fora os cursos superiores, não podemos deixar de falar sobre a importância de o profissional ter uma ou mais certificações financeiras no currículo. Destaque para certificações de níveis mais avançados, como CEA e CFP®, que têm peso maior nos processos de seleção em bancos.

O Programa Advisor de Alta Performance (PAAP) da Eu Me Banco é outro selo que cada vez mais está ganhando relevância como pré-requisito para vagas em bancos. O programa foi desenvolvido para suprir a demanda crescente do mercado financeiro por profissionais que dominam as habilidades práticas e comerciais para melhor atender o investidor. Para saber mais sobre o PAAP, acesse aqui.

 

Veja também:

 

 

O que faz um bancário?

Um bancário pode atuar em diversas áreas em tarefas distintas. Os cargos iniciais para quem deseja trabalhar em um banco são:

  • Estagiário;
  • Caixa;
  • Atendente comercial;
  • Agente comercial;
  • Assistente de gerente;
  • Gerente.

 

Estagiário: é o cargo inicial em muitas instituições. Alguns bancos pagam salários em torno de R$ 2 mil para estagiários.

Caixa: o caixa é o responsável pelo atendimento no guichê em agências físicas. Entre outras funções, realiza transferências, pagamentos, saques e depósitos para clientes.

Atendente comercial: realiza o atendimento e oferta produtos bancários ao público. Para ocupar esse cargo em bancos, o profissional deve ter, obrigatoriamente, a certificação CPA-10.

Agente comercial: cargo um nível acima do atendente comercial. O agente comercial gerencia o atendimento aos clientes e a prospecção de novas contas. Para ocupar esse cargo em bancos, o profissional deve ter, obrigatoriamente, a certificação CPA-10 ou CPA-20.

Assistente de gerente: profissional que acompanha as operações e processos do banco, dando apoio administrativo ao gerente e atendendo clientes. Por ser um cargo que envolve mais responsabilidades, o banco exige que o profissional tenha qualificação específica e as certificações CPA-10 ou CPA-20.

Gerente: administra a abertura de contas, prospecção e fidelização de novos clientes. Além disso, presta consultoria financeira em operações de crédito pessoal, recuperação de crédito, entre outras. É considerado o cargo mais alto no setor de varejo em bancos.

 

Gostou de conhecer o que você precisa fazer para realizar o sonho de trabalhar em banco? Então acompanhe outros conteúdos relacionados às certificações financeiras, mercado financeiro e carreira aqui no blog e também nas redes sociais @eumebanco_!

 

_

*Crédito imagem: Freepik.

Here can be your custom HTML or Shortcode

This will close in 20 seconds

Open chat